Advogados da OAB-PR dão orientações para os idosos

Seminário pela Melhor Idade reuniu sociedade, instituições não governamentais e Poder Público

O município de Almirante Tamandaré contará com uma política municipal voltada para a Melhor Idade. O desafio é unir os projetos de governo, capacitar os profissionais que lidam com os idosos (pessoas com mais de 60 anos, segundo a legislação brasileira) e realizar campanhas de conscientização sobre os direitos dos idosos. O assunto foi amplamente debatido hoje durante o I Encontro pela Melhor Idade, com a participação da Comissão dos Direitos do Idoso da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seção Paraná.

“Queremos que cada pessoa tenha consciência que a saúde pública, a educação, o acesso ao trabalho são direitos preferenciais do idoso. E essa consciência começa dentro de casa, dentro do seio da família. Mas para isso, todos os poderes precisam estar envolvidos. É necessária uma política municipal do idoso e o atendimento de questões fundamentais”, afirmou a advogada Rosângela Maria Lucinda, presidente da Comissão dos Direitos do Idoso da OAB-PR e integrante da Comissão Especial do Idoso do Conselho Federal da OAB.

A advogada Sibelle Nascimento destacou que pensar o idoso é pensar o futuro já que estimativas demonstram que em 2036 um quarto da população terá mais do que 60 anos. “Independente de raça, religião, cargo ou títulos, todos seremos idosos um dia e lutaremos pelos nossos direitos. Por isso temos que dar conta das vulnerabilidades que atingem os idosos como os problemas de saúde, as restrições do dia a dia. É absolutamente prioritária a terceira idade. Temos que dar condições para que o idoso possa envelhecer com dignidade, tendo seus direitos fundamentais respeitados”, ponderou ela.

Também participaram do encontro os advogados Flavio Roberto Gomes e Juliana Della Justina Oliveira Prost – integrantes da Comissão dos Direitos dos Idosos da OAB-PR. O Seminário foi promovido pelo Conselho Municipal do Idoso, com o apoio das secretarias de Administração e Previdência; Saúde; Cultura, Ação e Desenvolvimento Social. “Nosso objetivo foi o de informar e fazer cumprir o Estatuto do Idoso, discutindo com a sociedade o Direito do Idoso na Saúde Pública. Esta é a primeira vez que Almirante Tamandaré faz um evento para valorizar a terceira idade”, apontou Dorcelino Vicente de Prá, presidente do Conselho Municipal do Idoso. De acordo com ele, existem em Almirante Tamandaré 3.376 homens idosos e 3.879 mulheres idosas.

Homenagem – O Conselho Municipal do Idoso aproveitou a oportunidade para homenagear algumas mães de Almirante Tamandaré, com a entrega de flores. Foram homenageadas: Roseli Colodel (mãe do prefeito Gerson, representando os grupos de idosos), Dete Pavoni (vereadora), as advogadas Rosângela Maria Lucinda e Juliana Della Justina Oliveira Prost, além da secretária de Administração e Previdência, Deise Carvalho.

Participantes – Participaram do Seminário os vereadores João Marcelo Bini (presidente da Câmara Municipal), Polaco, Edmilson Caverna, Paulão, Dete Pavoni, Claudinho Zoinho, Amarildo Portes, Ferrugem e Laércio Souza; o ex-prefeito Roberto Perussi; os secretários Ernesto Rossi (Saúde), Rubiamara Pavin Colodel (Recursos Humanos), Valdecir Giareta (Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho), Mauro Perussi (Obras e Infraestrutura), Jocélia Alves Barbosa (Família, Juventude, Esporte e Lazer) e Pedro Henrique Val Feitosa (Assuntos Jurídicos); e representantes de grupos de idosos, casas de repouso e da Associação de Proteção à Maternidade e à Infância (APMI).

Postado em: Sem categoria | Tags: Sem tags

© 2020 - OAB-PR - Coordenação de Informática - Todos os Direitos Reservados